sexta-feira, 10 de março de 2017

Estreia do Flamengo na Libertadores tem recorde de audiência. E o investimento para abrir o Maracanã

AUDIÊNCIA

A TV Globo obteve na quarta-feira a maior audiência da Libertadores desde 2010, justamente de um jogo do Flamengo, pelas quartas de final contra o Universidad Católica (2 x 1).

Foram 35 pontos de audiência e mais da metade das televisões ligadas na partida de quarta-feira contra o San Lorenzo. Em 2010 a audiência foi de 38 pontos.

Em São Paulo, a estreia do Palmeiras na competição rendeu apenas 24 pontos de média.

O Flamengo segue batendo recorde de audiência. A final da Taça Guanabara rendeu a maior audiência pelo Campeonato Carioca desde 2010.

Realmente, a divisão das cotas ainda é muito desigual, o Rubro Negro tem que ganhar muito mais do que ganha.


FINANÇAS

Dentro de campo o Flamengo conseguiu o que mais queria: estrear com vitória na Libertadores, com goleada, boa atuação no segundo tempo e uma renovação de esperança ao torcedor.

Foram investidos R$ 1,7 milhão para recuperação do estádio apenas para esse jogo contra o San Lorenzo, em uma obra que custou mais de 1 bilhão para os cofres do poder público. O custo operacional da partida foi de R$ 424 mil.

A renda bruta foi de R$ 3,6 milhões. A FERJ, que em nada tem a ver com o espetáculo, afinal é a Conmebol a organizadora da Libertadores, levou 10% da renda bruta (R$ 362 mil).

Por fim, o clube da Gávea levou pra casa 638 mil.




4 comentários:

Guilherme disse...

O Flamengo paga todas as contas do abandonado Maracanã pelo agente "concessionário" e quem ainda manda é este, a suja Odebrecht. Coisas que acontecem no Rio de Janeiro.

André, o site especializado em Flamengo "Mundo Rubro Negro" informa que o Clube gastou mais de R$ 2 milhões no abandonado Maracanã, para colocá-lo em atividade novamente, e teve um lucro de R$ 750.000,00.

Olha que coisa interessante: gastos do Clube com federações.

Conmebol R$ 17.000,00 (despesas com pessoal da federação que trabalharam no jogo);
Ferj R$362.000,00 (despesas com os parasitas do Brasil que em pleno século XXI tem direito a mamar, levar dinheiro de quem trabalha, sem fazer absolutamente nada).

É inusitado viver no Mundo de hoje, 2017, no Brasil. Você tem a transparência da internet onde ficamos sabendo de tudo o que acontece no mundo inteiro em tempo real. Mas, aqui, embaixo do nosso nariz, aqui do lado, ninguém se mexe, se preocupa em enviar uma ordem para a sede dessa entidade Ferj, que fica ao lado do Maracanã, para ela abrir seu balanço dos últimos 5 anos.

Além de ver esses "estatutos" que transferem automaticamente recursos sem motivos. Estatutos caducos, que não fazem o menor sentido, que não são atualizados, tornados mais eficientes. Esses estatutos não condizem com nossa época e com as necessidades reais de cada um.

Concluindo: grande parte do dinheiro do Flamengo, que saiu dos nossos bolsos, da torcida do Flamengo, foi usado para pagar os gastos que o AINDA concessionário mundialmente conhecido como CORRUPTO não honrou e para uma entidade obscura e notoriamente ineficiente.

Palmas para o Brasil.

Rio de Janeiro, 11 de março de 2017.

André Amaral disse...

Guilherme, teve uma penhora pro fundo trabalhista de R$ 112 mil, restando um lucro líquido de R$ 638 mil.

André Amaral disse...

Coloquei o borderô no post.

Eduardo Henrique disse...

Parece brincadeira ... tem que ajudar até os ESCOTEIROS ... 10 % ferj ... gratuidades... todo mundo mete a mão e para o clube sobra quase nada.